Comunicação Social – Midialogia

Curso propõe formação teórica aliada à prática e incentiva a criação e inovação em arte e tecnologia
Aprender a fazer e aprender a pensar as mídias

Na atualidade, é preciso estudar as definições, usos e funções da imagem e do som nas áreas de fotografia, cinema, televisão, vídeo, rádio e mídias emergentes. Como entende-las? Como dialogam entre si e se diferenciam? De que modo entender esta cultura midiática tão diversificada e intensa em nossa atualidade e como intervir nela? 

Estas questões constituem temas de produção e pesquisa do Departamento de Multimeios, Mídia & Comunicação desde a sua criação, em 1984, no Instituto de Artes da Unicamp, e embasam o projeto do curso de graduação em Comunicação Social – Midialogia.

O curso discute as mídias audiovisuais em seus contextos, códigos, linguagens, historicidade e campos conceituais, considerando seu teor técnico, analítico e crítico. Enfoca as diversas mídias e suas convergências possíveis, estudando as especificidades de cada uma delas. Ou seja, cada uma é compreendida em si mesma e nas relações que elas estabelecem entre si. Nesta direção, a formação do graduando ocorre com base humanística e tecnológica, porque seus trabalhos são obras da cultura e nela se formam.

O Curso

O curso está organizado em um conjunto de disciplinas obrigatórias nas áreas de Formação Humanística, Formação Estética e de Meios de Expressão – com embasamento tecnológico – e em Projetos Integrados. Disciplinas eletivas permitem flexibilizar a própria formação do estudante.

Isto é fundamental em uma área em que a diversidade estética e tecnológica e os debates culturais e críticos demandam formação analítica sólida e constante atenção às mudanças que ocorrem.

O profissional

O profissional poderá atuar no mundo do trabalho em áreas como som, rádio, fotografia, cinema, televisão, vídeo, computação gráfica, hipermídias; na elaboração, produção, realização, finalização e recepção dessas obras com um decisivo interesse técnico, crítico e analítico; ou ainda desenvolver carreira de gestor de mídias, ser produtor, realizador e crítico. Além da docência e da pesquisa, está apto a desenvolver atuação interdisciplinar na comunicação

Fonte e fotos:comvest.unicamp.br